quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Rede de Reabilitação Lucy Montoro em SP



Rede de Reabilitação Lucy Montoro dá atendimento gratuito a deficientes

Sete unidades no estado de São Paulo atendem 1,8 mil pacientes por dia.O atendimento é gratuito pelo SUS, Sistema Único de Saúde.
Para dar tratamento de ponta e de graça a deficientes físicos a Rede de Reabilitação Lucy Montoro recebe pacientes de todo o país. São sete unidades no estado de São Paulo que atendem 1,8 mil pacientes por dia.
Os pacientes se encontram com a assistente social duas vezes por semana. A Rede de Reabilitação Lucy Montoro foi criada em 2008. Hoje, tem sete unidades de reabilitação em funcionamento. Cinco estão na capital e duas ficam no interior, em Campinas e Ribeirão Preto. O atendimento é gratuito pelo SUS, Sistema Único de Saúde.
“São pacientes que sofreram acidente ou trauma de coluna e ficaram tetra ou paraplégicos. E pacientes que tiveram uma sequela de uma lesão encefálica. São geralmente pacientes que sofreram derrame. Tem crianças com algum tipo de deficiência. A mais comum é paralisia cerebral. Atende também pacientes com amputações e com doenças neurodegenerativas em geral”, explica o diretor clínico Daniel Souza.
A unidade em São Paulo tem mais de 300 profissionais envolvidos no tratamento intensivo.
“O nosso foco na terapia ocupacional é trabalhar atividades do dia a dia. Então, a gente busca que esses pacientes tenham mais independência ou necessitem de menos ajuda dos seus cuidadores, dos seus familiares, nas atividades do dia a dia”, esclarece a terapeuta ocupacional Vivian Daniela dos Santos.
Quinze por cento da população brasileira têm algum tipo de deficiência. Esse dado representa um universo de mais de 28 milhões de pessoas. Um terço desse total tem deficiência física.
No instituto há uma área reservada para internações e tratamentos intensivos.

O lugar atende pacientes de São Paulo e de todos os estados do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário