terça-feira, 23 de julho de 2013

MATERNIDADE


“Sou tetraplégica e tive uma filha de parto normal”

A gaúcha Débora de Aranha Haupt, 32 anos, sofreu um acidente de moto com o marido quando ia para a aula de inglês. Ele cortou o joelho, ela ficou tetraplégica.
Com o tempo, Débora recuperou parte dos movimentos dos braços e decidiu que, mesmo presa a uma cadeira de rodas, não abdicaria do sonho da maternidade.
Seis anos e vários tratamentos depois, ela deu à luz Manuela, que completou um ano no último mês de janeiro.
Leia mais AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário