quinta-feira, 5 de setembro de 2013

AUTISMO - Informar para a convivência melhorar !!


Identificando o Olhar do Autista

Muitas crianças, quando começam a ficar sobrecarregadas, vão mostrar uma "resposta de congelamento". Elas costumam desviar o olhar, ter uma expressão vidrada e fora de si. Às vezes a criança pode se envolver em stimming , fechar os olhos , colocar a sua cabeça para baixo, ou tapar os ouvidos. Este é o momento temporário que nos dá pistas que a criança está se sentindo oprimida. O processo de informação está chegando muito rápido. O cérebro, inicialmente, tentar desligar ou bloquear o estímulo para evitar a sobrecarga. Para muitas crianças esse momento de congelamento significa afastar as demandas, diminuir a estimulação, e permitir que se recupere. Respeite este sinal, porque a criança está tentando "se organizar", escapando do estímulo que é sobrecarregado.

Tenha cuidado. Quando vemos sua apatia e desobediência como resistência, a tendência é pressionar a criança a responder. Isso vai sobrecarregar ainda mais a criança que está tentando se organizar e se recuperar. Este congelamento temporário é apenas isso, temporário! Se você continuar a pressionar a criança, ele vai de congelamento para " lutar ou fugir" ( pânico ). O cérebro em pânico agirá para lutar ou fugir. Em seguida, a criança é o rótulo violento , agressivo e perturbador.

Quando você vê essa resposta de congelamento: (1) Reconheça que a criança está sobrecarregada; (2 ) Retire todas as demandas, diminuindo seu tom de voz; (3) Assegure-lhe de que está segura e que é aceita; ( 4) Permita-lhe tempo para se recuperar. Minimize sua interação, para minimizar a sobrecarga da criança. Basta deixá-las escapar e se recuperar. Ajudá-las a se sentir "seguros" num momento em que eles estão se sentindo vulneráveis. Muitas vezes, a criança pode se recuperar simplesmente afastando as demandas e abaixando a estimulação.

Tente analisar o caso para entender o que pode estar sobrecarregando a criança. Pode ser que as demandas são muito difíceis ou chegando muito rápido, ou simplesmente que a criança está ficando exausta. Elas poderiam ser dominadas pelo barulho ou atividade acontecendo ao seu redor, o pânico de algo inesperado, ou simplesmente congelar devido à ansiedade de ter desempenho na tarefa. Quando a criança se recuperar, esteja ciente de que o seu sistema nervoso ainda está muito esgotado, e pode ser facilmente dominado novamente. Minimize as demandas, divida-as em etapas simples, prossiga com um ritmo mais lento e forneça assistência adicional para apoiar a criança. Para muitas crianças, respeitando esses sinais, recuando e transmitindo confiança, podem se recuperar rapidamente e assim continuando a atividade. Para outras, podem precisar fugir para uma área segura para se reorganizarem e se recuperar.

Se você respeitar essa resposta de "congelar" e apoiar a criança, ela vai confiar em seguir a sua liderança !


Por Ana Dultra

Nenhum comentário:

Postar um comentário